De cabeça erguida...

No domingo, a equipa de Futsal do Belenenses não conseguiu, por muito pouco, conquistar o título de Campeão Nacional, mas saiu do campo de cabeça erguida. Triste, sim, mas de cabeça erguida, porque lutaram com dignidade, categoria e vontade de vencer, e porque o título seria merecido. Fugiu-nos (outa vez!!!) a 3 minutos do fim.
Mas também os ultras azuis saíram dali com a sua missão totalmente cumprida.
Entre os cerca de 250 adeptos do Belenenses presentes na Luz, tanto no sabado como no domingo, a Fúria Azul fez-se representar em bom número. Mas a qualidade da prestação, em ambos os dias, superou a quantidade.


Ontem, momentos houve absolutamente extraordinários. Entre estes, destacamos os primeiros 10 minutos do jogo; a reacção ao 1º golo deles, puxando sempre pela nossa equipa; os momentos que se seguiram aos festejos delirantes dos nossos golos.


A tal ponto assim foi que vimos jogadores benfiquistas a pedirem desesperadamente o apoio do seu público, naturalmente maioritário; e, não tendo resultado, dirigirem-se ao topo das claques encarnadas (de força bem conhecida), pedindo o mesmo, e apontando na nossa direcção, como que a dizer: "Só se ouvem eles!".


Do mesmo modo, vimos adeptos deles perturbados e a tapar os ouvidos nos momentos mais vibrantes do nosso apoio.



Ontem, a Fúria foi enorme!

post.: Furia Azul blog oficial

F.A. Ajuda 84

Discurso Directo.: Alipio Matos


"Hoje fomos superiores ao Benfica em muitos períodos do jogo frente a uma equipa que tem outras condições, conseguimos superar-nos realizando uma excelente exibição.De qualquer forma, perdemos dignamente, temos uma equipa fantástica. Merecíamos ter vencido.Tiram-nos o primeiro lugar fora de campo e hoje estaríamos a jogar no Restelo, o que poderia tornar as coisas diferentes."
F.A. Ajuda 84

OBRIGADO CAMPEÕES!


F.A. Ajuda 84

Fotos 2º jogo Final






F.A. Ajuda 84

Hoje e sempre ...

PERDEMOS UM JOGO


NA VITORIA OU NA DERROTA SOMOS BELEM ATE MORRER!
HOJE VAMOS TODOS A LUZ
A VITORIA DEPENDE DE NOS!


FORÇA BELEM


F.A. Ajuda 84

Discurso Directo.: Alipio Matos

Hoje não fomos uma equipa. Oferecemos três golos e não entramos no jogo. Temos uma equipa jovem e por isso corremos o risco de não actuarem ao nível a que nos habituaram. Vamos tirar muita coisa positiva deste jogo. Amanhã entraremos com um espírito novo e vamos discutir o resultado até ao fim.”
F.A. Ajuda 84

NÃO HÁ PALAVRAS


OBRIGADO ALIPIO MATOS


video


F.A. Ajuda 84

ACORDEM PESSOAL,

ESTAMOS A UM PASSO DE

FAZER

HISTORIA E PREFEREM VER

NA TV??????!!!!!



ELES MERECEM TUDO!!!!!




A FURIA A CANTAR, O BELEM

A GANHAR!!!

LIGA PARA OS NUMEROS;

91 410 11 11 OU

91 218 91 29

F.A AJUDA 84

Fotos Belenenses 4 - 3 Benfica 1º jogo Final








Fotos.: Julio Futsal CFB
F.A. Ajuda84

Futsal.: Benfica vs Belenenses 2º jogo Final

O seu apoio pode fazer a diferença

nota impresa Secção de Futsal


Depois do magnifico apoio que os Belenenses deram à equipa no primeiro jogo da final, os Conquistadores vêm pedir que esse apoio se repita no próximo sábado, dia 28 de Junho pelas 15h, no pavilhão da Luz onde o Belenenses defronta o Benfica.

Queremos ver o sector do pavilhão que nos está reservado cheio de adeptos Belenenses e colorir de Azul as bancadas, por isso deixamos aqui o apelo: Troque o sofá, a praia, tudo o que tiver programado pelo pavilhão e acompanhe a equipa neste decisivo jogo. O seu apoio é fundamental para ajudar a equipa a tentar chegar ao título.

Os bilhetes para o jogo podem ser adquiridos nas Relações Publicas do Clube a partir das 15h da próxima 4ª feira, dia 25 ou na secção entre as 18h30 e as 22h.

Cada Bilhete custa 10€ e inclui, por recomendação das autoridades, transporte do Restelo para a Luz (saída às 14h) e regresso.

Ajude-nos a pintar o pavilhão de Azul, não fique em casa venha ajudar os Conquistadores a ser campeões.

Luís Filipe Silva

osBelenenses Futsal

Director de Comunicação

F.A. Ajuda 84

Entervista a Marcelinho

" Ala do Belenenses não era prioritário
Brasileiro é um dos melhores do plantel azul
No sábado brilhou ao marcar dois golos ao Benfica"

É quase um conto de fadas. No início da época, os responsáveis do Belenenses resolveram apostar no mercado brasileiro, com uma linha de orientação bem definida: comprar bem com pouco dinheiro.

Assim, os azuis optaram inicialmente por um bom guarda-redes, Marcos Affini, um fixo, Vinicius, e um universal, Diego Sol. Porém, o guardião e o defesa falaram em Marcelo, garantindo que seria um grande reforço para a formação do Restelo. Alípio Matos arriscou e como está à vista, ganhou.

«Não esperava. Pelo que percebi, o Alípio não me conhecia, mas o Marcos e o Vinicius falaram em mim e ele trouxe-me para Portugal. Fico-lhe eternamente agradecido», disse Marcelo Silva.

O ala do Belenenses passou das palavras aos actos e, ao longo da época, tem feito por corresponder à aposta feita no início da temporada, marcando inúmeros golos. Os últimos dois fê-los no sábado, diante do Benfica, no primeiro jogo da final do campeonato: o primeiro dedicado à mãe, via TV, o segundo selado com um beijo na mulher, presente nas bancadas.

«É sempre bom marcar, ainda para mais no jogo tão intenso. Tinha de dedicar aquele golo à minha mãe. Ela está no Brasil e é a minha inspiração. Depois não podia deixar de beijar o meu amor (risos). Ela agora até já é a maior torcedora do Belenenses», justificou.

Depois da vitória de sábado (4-3), fica a faltar apenas um triunfo para que os azuis se sagrem campeões. No entanto, Marcelo garante que a melhor forma de chegar ao título é, imagine-se, não pensar nele.
«Por enquanto ninguém pensa no título. Estamos todos muito tranquilos, pois só assim poderemos festejar. Vamos devagar. A UEFA? Calma! Ainda só ganhámos um jogo, nada mais», afirmou o ala que viaja para o Brasil no próximo dia 30, para cumprir um período de férias.


F.A. Ajuda 84

" Restelo vai mudar"

Novo projecto imobiliário, que contempla um centro comercial, vai ser apresentado aos sócios apenas em 2009 Autarquia de Lisboa pode dar em breve luz verde às obras no complexo.
EM 1999 Ramos Lopes, na altura presidente do Belenenses, apresentou um projecto que visava a construção de espaços comerciais e habitacionais, o qual obrigaria à mudança do Estádio do Restelo para a zona ocupada pelo pavilhão e relvados secundários.
Nunca foi aceite, já que em 2005 o IPPAR (Instituto Português do Património Arquitectónico) deu parecer negativo e a autarquia de Lisboa nunca autorizou as obras.Quase 10 anos depois, porém, o projecto deverá mesmo avançar, apesar dalgumas modificações ao estudo inicial.
O estádio não vai mudar de local mas não é certo que as piscinas e o Pavilhão Acácio Rosa se mantenham, já que a prioridade será a construção dum centro comercial que permitirá ao clube garantir mais e melhores receitas. Além disso, é intuito do Belenenses construir uma zona de escritórios e ainda uma outra habitacional. Tudo isto precisa da autorização da Câmara Municipal de Lisboa mas A BOLA sabe que a situação está praticamente desbloqueada e em breve será dada autorização para que as obras avancem.
O novo projecto imobiliário para o complexo desportivo do Restelo só deverá ser apresentado e colocado à aprovação dos sócios no próximo ano, porque, recorde-se, a actual Direcção só estará em funções até Abril de 2009, altura de novo acto eleitoral, no qual Fernando Sequeira deverá voltar a figurar. Certo é que, independentemente dos moldes em que for concebido, o projecto permitirá ao Belenenses vida mais desafogada financeiramente e não depender das receitas do bingo que, como é sabido, têm vindo a descer todos os anos.
F.A. Ajuda 84

.... E o "Record"

Belenenses ganha vantagem na final


O Belenenses começou da melhor forma a final do campeonato nacional de futsal ao vencer (4-3) o Benfica, no primeiro encontro de um confronto que será decidido à melhor de três jogos.Depois de uma primeira parte marcada pela superioridade dos guarda-redes, os encarnados colocaram em vantagem logo após o intervalo, com um tento de Ricardinho, aos 22'. A reacção dos azuis surgiu cerca de 5 minutos volvidos, com 3 golos praticamente seguidos, através de Jardel (26' e 27') e Marcelinho (27'), que praticamente sentenciaram a partida. Um contra-ataque conduzido pelo guarda-redes Bebé permitiu a César Paulo reduzir aos 31', mas quando os benfiquistas tentavam o tudo por tudo, surgiu mais um tento de Marcelinho (38'). César Paulo ainda voltou a marcar no último segundo, não evitando o triunfo da equipa da casa.


O segundo encontro será no próximo sábado (dia 28), no Pavilhão da Luz, e o Benfica precisa vencer para obrigar à disputa de um terceiro embate, a realizar no dia seguinte, no mesmo local.

Jornal "Record" edição Domingo 22 de Junho

F.A. Ajuda 84

E o "Jogo" ...

"Eficácia belenense derruba o campeão"
O Belenenses venceu ontem o Benfica e está a apenas uma vitória de conquistar o primeiro título da sua história na modalidade.Após uma primeira parte bastante equilibrada, na qual prevaleceram as questões tácticas e em que ambas as defesas estiveram em bom plano, a etapa complementar trouxe finalmente os golos. Ricardinho, que contou com a preciosa ajuda do guarda-redes Marcão, abriu a contagem aos 22', e a partir daí assistiu-se a uma partida electrizante, com os adeptos de ambas as equipas a contribuírem também para um grande espectáculo.Sob o olhar atento do seleccionador nacional, Orlando Duarte, o Belenenses mostrou-se mais eficaz e, no espaço de dois minutos, a formação da casa deu a volta ao marcador, com golos de Jardel, Marcelinho e Diego, este último de livre directo, a castigar uma falta de Arnaldo, que ditou a expulsão do jogador encarnado. O Benfica ainda reduziu pelo inevitável César Paulo, que concluiu uma jogada de contra-ataque conduzida pelo guarda-redes Bebé. Com cerca de quatro minutos para jogar, Beto Aranha colocou Zé Maria a guarda-redes avançado, mas foi o Belenenses que ampliou a vantagem, por Marcelinho. Mesmo em cima do apito final, o pivô brasileiro César Paulo reduziu para 4-3. O próximo desafio está agendado para sábado, no Pavilhão da Luz, e, em caso de vitória encarnada, a "negra" joga-se domingo.
Figura MARCELINHO Com garra de campeão
É verdade que César Paulo voltou a exibir-se a grande nível, mas Marcelinho não lhe ficou atrás. Autor de dois golos, o ala do Belenenses esteve bastante concentrado nas acções defensivas e mostrou grande entrega. E ainda assistiu Jardel no primeiro golo dos azuis.
Alípio Matos"Atitude de campeão"
A uma vitória de voltar a saborear a conquista do título (depois de o ter conseguido ao serviço do Benfica), Alípio Matos elogiou a atitude da sua formação. "Durante todo o jogo, estivemos bem frente a um grande adversário. O Belenenses teve uma atitude digna, uma atitude de campeão", frisou o técnico dos azuis. Apesar de ainda faltar uma vitória para o título, Alípio Matos salientou que "o Belenenses tem equipa para ganhar na Luz" e que na próxima semana vai entrar em campo sem medo do Benfica.
Jornal "O Jogo" edição Domingo 22 de Junho
F.A. Ajuda 84

O que diz o jornal "A Bola" ...

" Coragem na caça à águia "

Azuis venceram primeira batalha. Benfica pecou no capítulo da finalização .Belenenses está agora a uma vitória do título. Encarnados sem margem de erro na Luz .NUM ambiente sufocante, causado pelo apoio às equipas e pela elevada temperatura dentro do pavilhão, Belenenses e Benfica não defraudaram as expectativas de quem esperava assistir a um excelente espectáculo. É verdade que a primeira parte não foi muito emocionante. Como ninguém quis correr riscos, os protagonistas acabaram por ser os dois guarda-redes. Aos 22 minutos, Ricardo Braga rodou sobre Cary e inaugurou o marcador, com Marcos Affini a não estar isento de culpas. A partir daí o jogo abriu, o Benfica desorientou-se e, em dois minutos, passou de vencedor a vencido, tendo sofrido três golos e perdido Arnaldo Pereira, que viu o segundo amarelo por falta sobre Caio Japa. O Benfica criou oportunidades para reduzir, mas teve nota negativa na finalização.Vitória merecida de um Belenenses que soube caçar a águia sem mais a deixar fugir...

Belenenses

+ Acções defensivas e ofensivas irrepreensíveis. Como equipa os azuis estiveram a cem por cento e as individualidades tiveram tempo para darem um ar da sua graça

- Durante a primeira parte os homens da casa não arriscaram no ataque, apenas rematavam à baliza pela certa. Affini ficou mal na foto do primeiro golo com uma defesa incompleta

A figura Marcelo Silva (Belenenses)

É um tecnicista. Consegue driblar bem com os dois pés, tem excelente visão de jogo, é detentor de potente remate, sabe jogar para a equipa e é de uma entrega notável. Coroou exibição de luxo com dois golos

Sem medo na Luz Alípio Matos

treinador do Belenenses: Assistimos a um excelenete espectáculo. Jogámos sempre na cara do adversário e fomos uns justos vencedores. Estamos mais perto do título. Temos uma margem de erro, ao contrário do Benfica. Agora, vamos jogar à Luz sem medo, com as nossas armas. Vamos para ganhar.

Jornal "A Bola" edição Domingo 22 de Junho

F.A. Ajuda 84

Futsal.: Belenenses 4 - 3 Benfica - 1º jogo Final

O Belenenses venceu o Benfica, por 4-3, depois de ter estado em desvantagem, no primeiro jogo da final do «playoff» do campeonato nacional, estando a uma vitória de se sagrar, pela primeira vez, campeão da modalidade. De facto no primeiro jogo da final, os "Conquistadores" conseguem colocar-se em vantagem e ficam agora com margem de erro para enfrentar o segundo jogo da final no próximo sábado na deslocação que terão que fazer ao pavilhão da Luz.


O ambiente no pavilhão esteve bastante euforico, a Furia esteve muito bem, com os seus altos e baixos, mas sempre a apoiar a equipa mesmo quando esta estava em desvantagem no marcador, terimos um ambiente bastante melhor se os socios que foram ate ao pavilhão esgotassem as suas vozes a poiar a equipa.


Quanto ao jogo teve um início com as equipas a entrar desinibidas com a nossa equipa a dar o comando do jogo aos encarnados no entanto seria da nossa equipa a primeira grande oportunidade de golo com Marcelinho a obrigar o guarda-redes Bebé a defesa difícil logo nos primeiros segundos do encontro.



No primeiro tempo aliás foram os guarda-redes que estiveram em plano de destaque principalmente Marcão que se revelou uma muralha intransponível aos remates dos encarnados sendo um dos grandes responsáveis pelo nulo com que as equipas foram para o intervalo.Aliás a primeira parte foi jogada de forma muito calculista, com as equipas a arriscar muito pouco e sem grandes iniciativas.



Quanto à segunda parte foi totalmente diferente em parte devido ao golo madrugador de Ricardinho aos 2 minutos de jogo, que rodou bem sobre Pedro Cary e rematou forte com Marcão a não ser feliz colocando mal as mãos à bola não evitando o primeiro golo do Benfica.Reagiu de imediato a equipa de osbelenenses tentando mudar o rumo dos acontecimentos partindo em busca do prejuízo enfrentando o adversário olhos nos olhos e com postura de campeão passando a defender melhor e começando a dar imenso trabalho a Bebé primeiro foi Max com uma excelente oportunidade para empatar, mas Bebé efectuou uma defesa espectacular mantendo o nulo na sua baliza.


O jogo era jogado num ritmo alucinante de parada e resposta e em apenas 2 minutos osbelenenses conseguia dar a cambalhota no marcador de 0-1 para 3-1 com golos de Jardel, Marcelinho e Diego.


Foi uma vitória justa de osbelenenses que hoje soube sofrer em alguns momentos e foi pragmática o quanto baste para levar de vencida a equipa do Benfica no primeiro jogo da final do Campeonato Nacional / Futsagres.



Marcha do marcador:
0-1 por Ricardinho aos 22 minutos
1-1 por Jardel aos 27 minutos
2-1 por Marcelinho aos 27 minutos
3-1 por Diego aos 28 minutos
3-2 por César Paulo aos 30 minutos
4-2 por Marcelinho aos 38 minutos
4-3 por César Paulo aos 40 minuto
texto.: Julio Futsal CFB

F.A. Ajuda 84

Conquistadores ganham 1º jogo da final!



F.A. Ajuda 84

Antevisão do jogo por.: Alipio e Marcão

video.: Futsal Portugal
F.A. Ajuda 84

"O BELENENSES É UM CLUBE DIFERENTE" Alipio Matos


texto de: norberto sousa - Site Futsal

Líder de uma equipa que praticamente só tem somado vitórias, Alípio Matos tem vindo a fazer história à frente do Belenenses desde o início da temporada, pretendendo, agora, que a mesma tenha um final feliz. Para tal, os «conquistadores» terão que vencer a última batalha para que possam arrebatar o tão desejado ceptro. Profundo conhecedor da estrutura adversária, o timoneiro dos azuis do Restelo está confiante num bom resultado.

Face à excelente temporada que o clube está a viver, ser campeão seria colocar a cereja no topo do bolo?
Queremos que esta história tenha um final feliz. Conseguimos subir degraus que no início da época não estávamos à espera e, agora, temos a ambição de terminar uma época maravilhosa com a conquista do título, visto que, temos condições para atingir esse objectivo.

Poderá tirar alguma vantagem neste confronto devido ao facto de ter um conhecimento deveras profundo da maior parte dos jogadores do Benfica?
Nestes jogos mais do que o conhecimento mútuo, o mais importante é o facto de as equipas estarem super moralizadas e, praticamente, vai ser um jogo a partir do zero. O que irá contar é o momento das duas equipas, onde a que gerir melhor as nuances do jogo e as emoções será a que mais possibilidades terá de êxito. Vai ser uma final pautada pelo equilíbrio e difícil para as duas equipas.



A inclusão do César Paulo a meio da temporada levou a que o Benfica mudasse a sua forma de actuar. O Belenenses vai estar preparado para essa situação?
O Benfica mudou o seu sistema de jogo e ganhou um novo jogador, mas se calhar também perdeu outras coisas. Estamos preparados para todas as situações, à semelhança do que aconteceu no jogo do Restelo. Não há equipas perfeitas e a única coisa que temos de nos preocupar será de jogar olhos nos olhos com o nosso adversário e jogar o jogo pelo jogo. O Benfica tem alguns foras de série, mas também tem que se cuidar com o valor dos jogadores do Belenenses.

O primeiro jogo será determinante para apurar o campeão nacional?
O primeiro jogo vai ser muito importante, mas não determinante. Funciona como uma barreira psicológica, onde quem ganhar terá margem de manobra. Esse estigma continua a prevalecer.

O facto de o Belenenses estar menos habituado a disputar as grandes finais e os respectivos títulos poderá ser determinante no desenrolar de uma eliminatória decisiva?
O Belenenses já demonstrou o seu valor, já que em 36 jogos apenas perdeu 2. Estamos vivos e isso é sinal que estamos preparados para lutar contra qualquer adversário, encarando-o sempre de frente e sem receios. Não há razões para preocupações. É um clube que nunca teve oportunidade para se sagrar campeão nacional e, agora que tem esta hipóteses, vai quer agarrá-la com todas as suas forças. Espero que os jogadores usufruam e desfrutem do que é jogar uma final. Estamos plenamente confiantes que vamos dar uma boa resposta.

O apoio do público tem sido precioso na obtenção dos bons resultados. Está à espera de mais um apoio incondicional de massa adepta incansável?
O Belenenses é um clube diferente de todos os outros. Os jogadores e a massa adepta criaram uma empatia e interactividade absolutamente fantástica, funcionando praticamente como uma família. Os nossos apoiantes têm nos dado um apoio único e contribuído decisivamente para as nossas vitórias. De certeza que nos irão continuar a apoiar com todas as suas forças para que possamos continuar a vencer. Espero que o ambiente criado entre os adeptos das duas equipas seja como o das meias-finais. Peço que os adeptos nos apoiem e que não se preocupem em hostilizar o adversário, até porque temos é que jogar por nós.


F.A. Ajuda 84

Apelo da Fúria Azul aos Sócios do Belenenses

É já no Sábado que se disputa o 1º jogo da final do Campeonato de Futsal. É contra o Benfica, no Restelo às 15h, como sabemos.

Nesta ocasião importante, a Fúria Azul vai estar presente, como sempre, só que ainda mais em força. Mas o apoio de todos é importante. Muito importante.

Todos os belenenses querem ganhar este jogo, todos vamos torcer pela vitória. Mas é preciso exteriorizar essa vontade para dentro do campo, tornando-nos o 6º jogador, e fazendo do Pavilhão Acácio Rosa um inferno azul intransponível.

A Fúria Azul convida todos os adeptos do Belenenses a juntar-se aos seus cânticos. Tentaremos que a maioria destes sejam de fácil acompanhamento e já conhecidos por todos os sócios. Mas, pelo menos, pedimos que todos batam palmas, mesmo quando não puderem, quiserem ou souberem cantar. Não custa nada… Todos queremos ganhar e todos juntos com a equipa temos de conseguir!

post.: Blog Furia Azul

F.A. Ajuda 84

Futebol.: Baiano por uma temporada

O Belenenses contratou o defesa brasileiro Baiano, anunciou o clube na página oficial na internet.


Baiano, 21 anos, assumiu com o Belenenses um compromisso válido por uma temporada, com o clube do Restelo a estabelecer uma opção de compra. O jovem brasileiro, profissional de futebol desde 2006/07, foi considerado o melhor defesa direito do Campeonato Estadual de Góias em 2008.
F.A. Ajuda 84

NÓS SÓ QUEREMOS BELEM CAMPEÃO!!



A equipa de Futsal do Belenenses, os Conquistadores, como carinhosamente os adeptos lhes chamam, está a um passo de fazer história. O apuramento para a final do Campeonato Futsagres é um prémio merecido para a excelente época desenvolvida mas chegados aqui temos que fazer jus ao hino do Clube e mostrar que "hoje como antigamente nada temos que temer" pois acreditamos que com o apoio de todos os Belenenses podemos ser Campeões Nacionais.

A Direcção da Secção, os Técnicos e todos os Atletas precisam do apoio de todos os Belenenses e esse apoio deverá ser dado dentro do pavilhão juntando as vossas vozes às dos elementos da Fúria Azul e gritando bem alto Belém, Belém Belém.

Para este jogo o Técnico Alípio Matos convocou todo o plantel. A equipa irá estagiar até perto da hora do jogo, num Hotel da capital fruto do protocolo estabelecido com a cadeia Amazónia Hotéis. O primeiro jogo da final realiza-se no próximo sábado, dia 21 de Junho, pelas 15h no Pavilhão do Restelo.

Para este jogo os Sócios podem adquirir o seu bilhete, por apenas 2€, no dia do jogo nas bilheteiras de Sócios do pavilhão. A cada Sócio do Belenenses que adquira bilhete para o jogo será entregue um cachecol alusivo à final do Campeonato numa oferta do nosso patrocinador principal ElPozo Alimentação. Os bilhetes para os adeptos da equipa adversária estão à venda apenas no estádio da Luz. Para evitar grandes aglomerações as forças de segurança aconselham a ida para o pavilhão com a maior antecedência possível.

Ajude-nos a encher de azul o pavilhão do Restelo, não fique em casa, venha ajudar os Conquistadores a ser Campeões Nacionais.


Luís Filipe Silva
osBelenenses Futsal
Director de Comunicação

F.A. Ajuda 84

Alipio Matos «Queremos ser campeões»

Pela primeira vez na história, Belenenses pode conquistar título. A concretizar-se, a equipa do Belenenses vai disputar a Taça UEFA. Alípio Matos quer oferecer troféu a sócios e adeptos.

Para quem ainda tinha dúvidas, aí está um grande Belenenses pronto para lutar pelo título nacional de futsal. Poder-se-á dizer que os jogadores têm sido excelentes, os dirigentes inexcedíveis, os adeptos fulcrais... mas faltam argumentos para qualificar, Alípio Matos, treinador que em pouco tempo construiu com tostões uma equipa que já vale milhões. E neste momento está a apenas duas vitórias de conquistar o primeiro campeonato do conjunto do Restelo.

«É fantástico. Maravilhoso. Mas este sucesso é de todos os que fazem parte deste grupo. Eu sou apenas mais uma parte de uma estrutura de sucesso. Sozinho não faço milagres. Mas pessoalmente deu-me um gozo enorme construir esta equipa do nada e perceber que, com pouco, conseguimos deixar a família belenense feliz e orgulhosa da sua equipa», afirmou o treinador, lembrando que apesar da qualidade do Benfica o Belenenses quer ser campeão:«O discurso que tinha na meia-final é o mesmo que tenho na final. Não vale a pena fazer de coitadinho. Vamos defrontar uma grande equipa, mas queremos ser campeões.»E será que vai haver um gostinho especial se derrotar a ex-equipa? «Não, não! O maior prazer que posso ter é dedicar o título aos sócios e adeptos do Belenenses que nos apoiaram sempre, mesmo nos momentos de maiores dificuldades. Não quero ganhar contra ninguém, quero ganhar pelos meus jogadores e por este clube fantástico.»E quanto à final...«Estão lá as duas melhores equipas do campeonato. Pelo menos as deste ano. Tenho a certeza que vai ser uma grande eliminatória, o que só ajuda na propaganda que o futsal português tanto merece.»

F.A. Ajuda 84

Taça Intertoto - BELENENSES NÃO LICENCIADO

O Belenenses não consta da lista de clubes licenciados para participar nas provas da UEFA, pelo que a Intertoto não terá qualquer representante português (Nacional e Boavista também não estão licenciados).
A candidatura do Belenenses foi chumbada pelo OPI (Órgão de Primeira Instância) e, posteriormente, pelo CJ da FPF.
O manual de licenciamento disponível no site da FPF é claro no seu ponto 3.2.5: “O CJ toma a decisão final e vinculativa da atribuição ou não da licença.”
F.A. Ajuda 84

Prémio da UEFA pago no início da época

DIRECÇÃO VAI LIQUIDAR REMUNERAÇÃO EXTRA

A direcção liderada por Fernando Sequeira deve pagar os prémios relativos à Europa (embora a equipa não tenha ido à Taça UEFA devido à perda de 6 pontos relativos ao caso Meyong) no início da nova temporada, pelo que se prevê que tal seja liquidado em Julho – quando arrancam os trabalhos –, o mais tardar em Agosto.

O presidente assumiu o compromisso de pagar a remuneração extra aos jogadores (alguns dos que saíram já receberam essa verba) apesar do orçamento ter sido reduzido, face às dificuldades financeiras por que passa o clube. Recorde-se que, recentemente, a direcção aprovou em assembleia geral a autorização para contrair um empréstimo que pode oscilar entre os 5 a 7,5 milhões de euros para fazer face a dívidas a curto prazo.

Relativamente a Jorge Jesus, Fernando Sequeira também iria pagar ao técnico (um prémio maior do que aos atletas, de acordo com o que estava estipulado no contrato), mas como Jesus acabou por se transferir para o Sp. Braga, houve um acerto de verbas.

F.A. Ajuda 84

Futebol.: Alício Julião e Maykon Araújo contratados

O Belenenses anunciu no seu site oficial as contratações de Alício Julião e Maykon Araújo, ambos brasileiros e que tiveram o aval de Casimiro Mior.

Julião é trinco, tem 24 anos, 1,80 m de altura e alinhava no Atlético Mineiro, definindo-se como "um jogador rápido, grande entrega ao jogo e boa visão de jogo".
Quanto a Araújo, tam também 24 anos, mas joga como extremo esquerdo, tendo passado por Paulista de São Paulo, América Mineiro, Atlético Goiás e ultimamente no Gama. No que diz respeito a definições, o craque diz "possuir uma boa visão de jogo, um bom marcador de faltas e boas caracteristicas na marcação".
F.A. Ajuda 84

Conquistadores na Final

A nossa equipa o Freixieiro por 4-1 no terceiro e decisivo jogo das meias finais do Play Off do Campeonato Nacional / Futsagres disputado no Pavilhão do Restelo, garantindo dessa forma uma presença histórica na final da competição.





Mais uma vez o jogo foi de festa entre as claques das duas equipas que uma vez mais deram uma lição de desportivismo e Fair Play que tantas vezes anda arredio do desporto. De facto as claques abrilhantaram e aqueceram o ambiente puxando sempre de forma efusiva e ordeira pelas suas equipas durante todo o jogo mas no final mostraram respeito pelo adversário apesar de apenas uma das equipas ter ganho. Uma vez mais à semelhança do que acontece quando estas duas equipas se encontram três claques confraternizaram a exemplo aliás do que se passava no recinto de jogo.





Pena que estes jogos não só pelo espectáculo dentro das 4 linhas mas por toda a envolvência criada à sua volta continue a não merecer transmissão televisiva.


No que ao jogo diz respeito tratou-se de mais um grande espectáculo com os conquistadores a dominar as operações do primeiro ao último minuto. Ao contrário do que sucedeu no ultimo jogo a nossa equipa entrou concentrada dando desde logo a entender que estava ali para garantir a presença na final. E de facto com apenas 4 minutos de jogo a equipa de osbelenenses adiantou-se no marcador após uma excelente jogada de Marcelinho, que picou a bola sobre Wilson e depois assistiu Diego que apenas teve de encostar já dentro da área.


Na segunda parte o Freixieiro tentou chegar à igualdade entrando mais pressionante e rematador, no entanto a nossa equipa respondeu sempre com perigo. Foi de resto uma segunda parte jogada num ritmo intenso de ambas as formações com muita intensidade de parte a parte e um ambiente absolutamente fantástico nas bancadas. Nestes primeiros minutos do segundo tempo as melhores oportunidades pertenceram ao Freixieiro sempre com a nossa equipa a responder à altura nunca perdendo o controle da partida.



Aos 14 minutos num dos muitos contra-ataques desta segunda parte Pedro Cary serviu Diego que isolado só precisou de encostar colocando praticamente um ponto final nas dúvidas quanto a quem passaria à grande final.

Finalmente a cinco segundos do fim Jardel aproveitou uma perda de bola do Freixieiro no ataque e atirou para a baliza deserta. Era a cereja que faltava em cima do bolo. Pelo que produziu não só neste jogo mas em especial durante toda a fase regular a equipa do Belenenses merece sem dúvida estar na final da competição.

Marcha do marcador:
1-0 por Diego aos 4 minutos
2-0 por Drula aos 31 minutos
3-0 por Diego aos 34 minutos
3-1 por Wilson aos 37 minutos
4-1 por Jardel aos 39 minutos

NÓS SÓ QUEREMOS BELEM CAMPEÃO!!!


F.A. Ajuda 84